Polícia

Lázaro é preso após 20 dias de buscas em Goiás, diz governador

Suspeito de chacina em Ceilândia, no DF, era procurado por uma força-tarefa policial desde 9 de junho.

A pós 20 dias de uma megaoperação, com mais de 270 policiais, Lázaro Barbosa, de 32 anos, foi preso nesta segunda-feira (28), em Goiás. A informação foi divulgada pelo governador Ronaldo Caiado. Condenado por assassinatos e estupros, o fugitivo da Justiça era procurado por uma série de crimes na Bahia e em Goiás. Ele também é acusado da morte de quatro pessoas de uma família em Ceilândia, no Distrito Federal, e de um caseiro de uma fazenda no distrito de Girassol, em Goiás.

“Acabo de receber neste momento uma informação de todas as equipes que estão na região de Cocalzinho que o Lázaro foi preso”.

“Como eu disse, era questão de tempo até que a nossa polícia, a mais preparada do País, capturasse o assassino Lázaro Barbosa. Parabéns para as nossas próprias de segurança de vocês. São motivo de muito orgulho para a nossa gente! Goiás não é Disneylândia de bandido “, disse o governador Ronaldo Caiado em uma rede social.

A Secretaria de Segurança Pública (SSP) de Goiás informou que o suspeito deve ser encaminhado para o Instituto Médico Legal (IML) para o exame de corpo delito e, em seguida, será levado para o presídio de Aparecida de Goiânia, na Região Metropolitana da capital.

Fonte
Central de Notícias

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Botão Voltar ao topo